Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2010

Redes sociais dominam o mundo !

As redes sociais estão dominando o mundo desde que apareceram e se espalharam pela internet. Foi recentemente que o Facebook divulgou que possui 500 milhões de usuários registrados. Por isso, a revista The Economist teve uma ideia bem curiosa e fez um levantamento populacional de redes sociais, caso eles fossem países.





O Facebook, com seus 500 milhões de pessoas, ficaria em terceiro lugar na população mundial, perdendo ainda para a China com seus 1,35 bilhão de habitantes e a Índia, com 1,21 bilhão de habitantes.





Já o MySpace (300 milhões de usuários/habitantes) fica em quinto lugar, atrás dos Estados Unidos (310 milhões de habitantes).





O Twitter, que fica ainda em último lugar nessas redes, também fica em último no levantamento. Com seus 124 milhões de usuários/habitantes, ele fica atrás do Brasil (195 milhões) e Indonésia (232 milhões).





Mesmo somando todas as redes sociais, elas ficariam em terceiro lugar, com mais de 900 milhões de pessoas. No caso, seria o país feito pela internet.

te…

Youtube aumenta limite máximo de tempo nos vídeos

O limite de 10 minutos por vídeo já existe há alguns anos e pode ser indicado como um ótimo método para impedir pirataria, não que isso funcione totalmente já que é só dividir o arquivo e subir em várias partes, mas este método torna a distribuição um tanto conturbada.

A partir de 29/07/2010 o site vai permitir que os vídeos possam ter mais do que 10 minutos, na realidade eles podem ter cinco minutos a mais, 15 no total por arquivo, o que tecnicamente não muda nada na questão da pirataria, mas tira um pouco do irritante limite para que nós possamos subir um vídeo da viagem que fizemos, por exemplo.

Segundo anúncio no blog da empresa, o Youtube está aprimorando um serviço chamado "Content ID" que é um sistema autônomo que varre os vídeos e aponta para material que possa ter direitos autorais quebrados. O sistema é auxiliado por empresas produtoras de filmes ou até por canais de TV que são parceiras do Youtube, assim o sistema vai se aprimorando quase que ininterruptamente. O cr…

Celular futurista fica em pé para indicar ligações

Esse celular-conceito criado pelo designer Jeremy Innes-Hopkins promete trocar as músicas em MP3, os toques polifônicos, as luzes piscantes e a vibração dos telefones modernos por algo mais sutil na hora de indicar novas ligações ou mensagens de texto. Ele vai, simplesmente, ficar em pé até ser percebido. Se você não quiser atender a ligação, por exemplo, basta dar um tapa para que ele volte à posição original.

Jeremy diz que a base do celular teria componentes eletromagnéticos responsáveis por executar o movimento de "subida". Uma ideia interessante, mas que ainda não tem data para virar realidade.

Quase metade dos homens dá uma espiada no perfil da namorada no Facebook

As rede sociais, além de facilitar o contato entre as pessoas, são muito boas para “puxar a capivara” do seu cônjuge (namorado, namorada, ficante, peguete, etc etc). Para saber, por exemplo, quem é aquele suposto amigo de infância ou aquele rapaz que sua namorada diz que é apenas um amigo.





No entanto, ainda que possa haver certa impressão de que as mulheres “monitoram” mais seus parceiros que os homens, uma pesquisa online do site americano “Askmen.com” mostra que 45,73% dos homens dão uma olhadela no perfil da namorada no Facebook.

As justificativas são variadas: 23,51% vê com o consentimento dela, 13,32% só acessa, pois já estava aberto o perfil no computador e, a minoria, 8,9% dá uma olhadela no perfil, pois descobriu a senha do e-mail dela. O restante, 54,27%, diz que não olha, pois não tem motivos (21,54%) ou simplesmente por respeito à privacidade da moça (32,73%).

A título de comparação, o levantamento perguntou às mulheres se elas – se fosse possível – instalariam um GPS no par…

Fabricante lança câmera infantil para a próxima geração YouTube

A VTech não tem medo de dar tecnologia na mão de crianças destruidoras. A empresa, que já tem produtos como câmera digital e até leitor de livros eletrônicos especialmente criados para os pequenos, anunciou uma filmadora "de brinquedo".

A Kidicam vai custar 60 libras (cerca de R$ 160), segundo o britânico Daily Mail, e vai permitir que as crianças gravem vídeos, tirem fotos e tenham contato com os primeiros fundamentos de edição visual. Vai ser possível adicionar bordas decorativas nas imagens e outros "carimbos" para ilustrar ou criar algum efeito, fazendo a alegria das crianças e de alguns adultos também.

Ainda não temos as especificações técnicas do produto (além do zoom digital de 4x), mas tudo indica que em breve podemos ter uma nova geração de "vloggers" cheio de história para contar.

uoltecnologia

'Mascote' do Google, Android vira bonequinho de coleção

Você pode não gostar do sistema operacional de celulares Android, desenvolvido pelo Google, e pode até mesmo nunca ter testado um aparelho dessa plataforma. Mas não dá para negar que o robozinho verde, símbolo da marca, é uma das figuras mais simpáticas nesse mundo povoado por gente amiga e sorridente como Steve Jobs, Mark Zuckerberg e Steve Ballmer.

Pois o robô agora pode ir parar na sua mesa de trabalho, desde que você separe alguns dólares para investir nesses bonecos "oficiais" aprovados pelo Google. Bem, não é "exatamente agora", porque o primeiro lote fabricado pela Dyzplastic está esgotado. Novas versões devem ser lançadas durante a feira de quadrinhos Comic-Con, em San Diego, incluindo o Android albino para você pintar como quiser.

São 12 bonecos diferentes (do "trabalhador de escritório" ao Android em chamas), alguns mais raros que outros. Cada um tem 7,5 cm de altura e custa US$ 7,50 - a caixa com 16 unidades sortidas custa US$ 112.

Twitter da Nasa sofre 'pane' e começa a tuitar spam

Uma das "lendas urbanas" do imaginário hacker fala sobre "invadir o computador da Nasa". Ok, esse momento da ficção pode estar ultrapassado, mas, aparentemente, já é possível invadir o Twitter da Nasa. Durante alguns minutos nesta sexta-feira (23), o perfil @nasa_astronautas no Twitter parou de informar sobre as atividades dos astronautas da Nasa e começou a publicar ofertas imperdíveis de TVs LCD e Plasma - com "hashtags", URLs encurtadas e tudo mais que uma oferta profissional precisa ter.

Segundo o Gizmodo, que publicou a prova do crime (imagem acima), os astronautas podem ter sido vítimas de roubo de senha. Já a agência espacial norte-americana se limitou a apagar as mensagens "tortas" e publicou um tuíte de desculpas. "Pedimos desculpas pelo comportamento estranho no Twitter anteriormente. Já corrigimos o problema", diz trecho da mensagem. As URLs dos tuítes suspeitos ainda funcionam e levam o internauta curioso para leilões do sit…

A tecnologia chegou nos túmulos.

Infelizmente todo mundo tem de enfrentar o inimigo mais temido de todos os tempos: a morte. Por mais que o ser humano tente, não há uma fórmula específica para conseguir a vida eterna. Aliás, é provável que nunca encontrem um meio para viver para sempre.



É realmente complicado falar sobre esse assunto, porque é um tema que faz todos refletirem. Normalmente as pessoas preferem lembrar-se da morte apenas quando acontece uma tragédia, pois assim podem curtir a vida com mais tranquilidade.

Todavia existe muita gente preocupada com tais momentos, principalmente as empresas do ramo. Tais companhias atuam numa área complicada, porém fundamental para que as pessoas enfrentem os momentos tristes com o mínimo de preocupação.

Depois de inventarem caixões de diversos formatos, materiais e decorações, investirem em covas com sistema de ventilação e monitoria com câmeras e construírem cemitérios com as mais diversas tecnologias, surge uma ideia inusitada: uma empresa decidiu prolongar a memória dos en…

Google lança seu serviço de música digital

Por enquanto, portal só está disponível na China; previsão é que até o fim do ano chegue a outros países.

Mesmo que a Apple continue a desenvolver o iTunes de modo a controlar todo o mercado online de música – uma versão em streaming está a caminho – a Google não se deixa desanimar. E uma prévia de sua incursão nessa área já está no ar: o Google Music chinês.



A estreia do site ocorre em um momento controverso. Afinal, nas últimas semanas, a empresa tem tentado convencer as autoridades chinesas a renovar sua licença de operação no país. Ora, quem diria que a única versão do serviço estaria hospedada justamente em um espaço onde não se sabe se o Google poderá manter suas atividades? Quer dizer, nós, pelo menos, não sabemos.

Quanto ao site, observa-se que há tanto a opção de ouvir a música quanto de baixá-la. Existe um ranking com as canções e CDs mais vendidos (Michael Jackson e Lady Gaga se destacam) e um catálogo com todos os artistas disponíveis divididos por regiões (China, Estados Uni…

Opera 10.6 Final

A nova versão do navegador veio para surpreender mesmo os usuários que acompanham suas atualizações. Isso porque o Opera, além de incrivelmente rápido, agora tem suporte nativo para os novos padrões WebM e HTML5, recurso de geolocalização e os consagrados sistemas antifraude e antiphishing da AVG! Navegar com rapidez e muito mais segurança se tornou sinônimo deste ótimo navegador.



Google Music ganha data e um forte aliado.

A disputa entre o Google e a Apple sobre a distribuição de música online vai ficar mais pesada no final do ano, que é a data prevista de lançamento do serviço de stream de músicas legalizadas pela internet da gigante das buscas. O grande aliado que vai aparecer no lançamento é a nova versão do sistema operacional móvel do Google, que vai [provavelmente] para a sua terceira versão, chamada até agora de Gingerbread [aquele bonequinho de biscoito do filme do Shrek, lembra?]. Em uma entrevista realizada pelo jornal financeiro de Israel, Calcalist, o gerente de produto do Android, Gaurav Jain, revelou que o motivo do lançamento conjunto é que a plataforma móvel será a maior parte do serviço.

Com relação a Apple, há rumores que ela esteja planejando algo com a aquisição da empresa Lala para stream de música e vídeo direto para seus dispositivos móveis atrelados a uma "mega-iTunes".

Quem será que vai ganhar esta guerra de titãs com relação a música? Nós usuários, e principalmente os d…