Pular para o conteúdo principal

Entenda o que é a Web 2.0

O termo Web 2.0 é utilizado para descrever a segunda geração da World Wide Web --tendência que reforça o conceito de troca de informações e colaboração dos internautas com sites e serviços virtuais. A idéia é que o ambiente on-line se torne mais dinâmico e que os usuários colaborem para a organização de conteúdo.

Dentro deste contexto se encaixa a enciclopédia Wikipedia, cujas informações são disponibilizadas e editadas pelos próprios internautas.

Também entra nesta definição a oferta de diversos serviços on-line, todos interligados, como oferecido pelo Windows Live. Esta página da Microsoft, ainda em versão de testes, integra ferramenta de busca, de e-mail, comunicador instantâneo e programas de segurança, entre outros.

Muitos consideram toda a divulgação em torno da Web 2.0 um golpe de marketing. Como o universo digital sempre apresentou interatividade, o reforço desta característica seria um movimento natural e, por isso, não daria à tendência o título de "a segunda geração". Polêmicas à parte, o número de sites e serviços que exploram esta tendência vem crescendo e ganhando cada vez mais adeptos.

Confira um glossário da Web 2.0 elaborado pela Folha de S.Paulo

AdSense: Um plano de publicidade do Google que ajuda criadores de sites, entre os quais blogs, a ganhar dinheiro com seu trabalho. Tornou-se a mais importante fonte de receita para as empresas Web 2.0. Ao lado dos resultados de busca, o Google oferece anúncios relevantes para o conteúdo de um site, gerando receita para o site a cada vez que o anúncio for clicado

Ajax: Um pacote amplo de tecnologias usado a fim de criar aplicativos interativos para a web. A Microsoft foi uma das primeiras empresas a explorar a tecnologia, mas a adoção da técnica pelo Google, para serviços como mapas on-line, mais recente e entusiástica, é que fez do Ajax (abreviação de "JavaScript e XML assíncrono") uma das ferramentas mais quentes entre os criadores de sites e serviços na web

Blogs: De baixo custo para publicação na web disponível para milhões de usuários, os blogs estão entre as primeiras ferramentas de Web 2.0 a serem usadas amplamente

Mash-ups: Serviços criados pela combinação de dois diferentes aplicativos para a internet. Por exemplo, misturar um site de mapas on-line com um serviço de anúncios de imóveis para apresentar um recurso unificado de localização de casas que estão à venda

RSS: Abreviação de "really simple syndication" [distribuição realmente simples], é uma maneira de distribuir informação por meio da internet que se tornou uma poderosa combinação de tecnologias "pull" --com as quais o usuário da web solicita as informações que deseja-- e tecnologias "push" --com as quais informações são enviadas a um usuário automaticamente. O visitante de um site que funcione com RSS pode solicitar que as atualizações lhe sejam enviadas (processo conhecido como "assinando um feed"). O presidente do conselho da Microsoft, Bill Gates, classificou o sistema RSS como uma tecnologia essencial 18 meses atrás, e determinou que fosse incluída no software produzido por seu grupo

Tagging [rotulação]: Uma versão Web 2.0 das listas de sites preferidos, oferecendo aos usuários uma maneira de vincular palavras-chaves a palavras ou imagens que consideram interessantes na internet, ajudando a categorizá-las e a facilitar sua obtenção por outros usuários. O efeito colaborativo de muitos milhares de usuários é um dos pontos centrais de sites como o del.icio.us e o flickr.com. O uso on-line de tagging é classificado também como "folksonomy", já que cria uma distribuição classificada, ou taxonomia, de conteúdo na web, reforçando sua utilidade

Wikis: Páginas comunitárias na internet que podem ser alteradas por todos os usuários que têm direitos de acesso. Usadas na internet pública, essas páginas comunitárias geraram fenômenos como a Wikipedia, que é uma enciclopédia on-line escrita por leitores. Usadas em empresas, as wikis estão se tornando uma maneira fácil de trocar idéias para um grupo de trabalhadores envolvido em um projeto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Temperamento - Decubra seu Perfil Profissional

PerguntaSimNão1: Gosta de conversar?2: Gosta de atividade, ação?3: Emociona-se com facilidade?4: “Explode” facilmente?5: Está sempre atualizado nos mais diversos assuntos(cultura geral)?6: É imaginativo?7: Tem inclinação para a crítica e para ironia?8: Tem tendência a mudar de opinião se apresentarem argumentos válidos?9: Quando lhe pedem desculpas,reconcilia-se com facilidade?10: Tem dificuldade em perdoar/esquecer?11: Gosta de fazer o bem sempre que pode?12: Aflige-se facilmente com os males do próximo?13: É mais optimista do que pessimista?14: Ri com facilidade quando há motivo?15: É uma pessoa inconstante,pouco perseverante?16: Prefere que sejam outros a resolver os problemas?17: Aceita facilmente novas ordens que lhe são dadas?18: Gosta de novidades?19: Gosta de andar elegante, bem vestido?20: Gosta de ser admirado/elogiado pelos outros?
PerguntaSimNão1: Irrita-se com facilidade?2: Nota-se quando está irritado?3: Guarda rancor?4: Perdoa com facilidade?5: É intolerante quando contr…

Tabela Periodica - Atalhos do Excel

Preciso ter um site?

Más é óbvio que a resposta é SIM, até porque como vou ganhar dinheiro fazendo site se as pessoas e empresas não fazem site.
Bem é isso que a maioria das pessoas pensam, que fazer um site é desnecessário e só server pra gastar dinheiro, ou então a pessoa faz um site porque sempre perguntam para ela "Você tem Site?".
Os motivos e necessidades para se ter um site são muitos, varia de negócio para negócio. Listei abaixo alguns itens, caso esteja lendo até aqui, não pare, leia o restante, acredito que vai mudar a seus conceitos sobre ter um site.
Aberto 24h. Suas informações, produtos, serviços estarão disponíveis aos clientes 24 horas por dia.
Credibilidade. É muito difícil para uma pequena empresa concorrer com empresas de grande porte. Na internet é possível que uma pequena empresa, com um site bem projetado, com um bom design gráfico, navegação simples e informações bem redigidas seja bem avaliada pelos seus clientes - mesmo quando comparada com concorrentes de maior porte. Um bom…