Pular para o conteúdo principal

Postagens

Que linguagem de programação usam os grandes sites

Segue alista dos principais sites e suas linguagens e bancos Google O motor de pesquisa mais utilizado e o maior em todo o mundo. Utiliza as seguintes linguagens: Front End: JavaScript Back End: C, C++, Go, Java, Python Base dados: BigTable, MariaDB Youtube O site de partilha e publicação de vídeo mais utilizado em todo o mundo. Este, utiliza as seguintes linguagens: Front End: JavaScript Back End: C/C++, Python, Java, Go Base dados: MySQL, BigTable Facebook Dispensa apresentações. Este é a maior rede social existente no mundo da internet. Front End: JavaScript Back End: Hack, PHP, C++, Java, Python, Erlang, D, Xhp Base dados: MySQL, HBase Yahoo Outro motor de pesquisa. O Yahoo situa-se atrás do google como motor de pesquisa, sendo o segundo maior. Actualmente encontra-se em transição para Node.js: Front End: JavaScript Back End: JavaScript, PHP Base dados: MySQL, PostgreSQL Amazon O site mais famoso de compras online na internet. Front End: JavaScript Back End: Java, C++, Perl Base da
Postagens recentes

Top Bibliotecas do jQuery

Vamos ver algumas dicas de bibliotecas do jQuery para você estudar. https://jquery.com/ A jQuery está entre as mais utilizadas (se não a mais utilizada) bibliotecas JavaScript. Atualmente, quando se requisita que um profissional conheça/domine JavaScript, geralmente a jQuery está incluída. Sob o lema “escreva menos, faça mais” (write less, do more), o forte dessa biblioteca está na simplificação de códigos nativos da linguagem que geralmente são mais extensos. Na Listagem 1 temos um exemplo bastante básico de uso da jQuery, onde comparamos duas expressões equivalentes, uma em código nativo JavaScript e outra utilizando jQuery. http://prototypejs.org/ Prototype é um framework também bastante utilizado que possui suporte a Ajax bastante eficiente, além de facilitar a interação com o DOM e ser orientado a objetos, o que permite um maior nível de organização de projetos maiores. Assim como a jQuery, o prototype também reduz consideravelmente a quantidade de código necessário para a realiza

Tabela Periodica - Atalhos do Excel

Temperamento - Como ele impacta em meu perfil profisional

Os estudos sobre temperamento não são contemporâneos. O primeiro estudioso a criar uma teoria para explicar o temperamento humano foi Hipócrates – considerado o pai da Medicina. De lá para cá, o temperamento se tornou objeto de estudo de várias áreas da ciência, dentre elas a Psicologia e a Filosofia. E o que estes estudos dizem sobre o temperamento? Para a ciência, o temperamento nada mais é que um conjunto de tendências e características que determinam o comportamento dos indivíduos. Com base no temperamento – que para muitos estudiosos, é algo inato – é que cada ser humano tem sua percepção do mundo, desenvolve habilidade e cria seus próprios valores. Veja a baixo os 4 tipos de temperamento e com qual deles você se identifica. Colérico Pessoas que possuem este tipo de temperamento costumam ser bastante explosivas e a liderança é um de seus pontos fortes. Quem possui temperamento colérico tem muita energia e uma grande facilidade para trabalhar com planejamentos.

Temperamento - Decubra seu Perfil Profissional

Pergunta Sim Não 1: Gosta de conversar? 2: Gosta de atividade, ação? 3: Emociona-se com facilidade? 4: “Explode” facilmente? 5: Está sempre atualizado nos mais diversos assuntos(cultura geral)? 6: É imaginativo? 7: Tem inclinação para a crítica e para ironia? 8: Tem tendência a mudar de opinião se apresentarem argumentos válidos? 9: Quando lhe pedem desculpas,reconcilia-se com facilidade? 10: Tem dificuldade em perdoar/esquecer? 11: Gosta de fazer o bem sempre que pode? 12: Aflige-se facilmente com os males do próximo? 13: É mais optimista do que pessimista? 14: Ri com facilidade quando há motivo? 15: É uma pessoa inconstante,pouco perseverante? 16: Prefere que sejam outros a resolver os problemas? 17: Aceita facilmente novas ordens que lhe são dadas? 18: Gosta de novidades? 19: Gosta de andar elegante, bem vestido? 20: Gosta de ser admirado/elogiado pelos outros? Pergunta Sim Não

PHP - Aula 3 - Vetores

Declarando um Array: $alunos = ("ana","pedro","beto");   ou $alunos = ["ana","pedro","beto"]; O PHP permite a declaração de arrays associativos, o construtor array() recebe as chaves e os valores que estão associados a chave. $clientes = array(       "nome"=>"Vitor",       "telefone"=>"32324545",        "email"=>"teste@gmail.com" ) ; O PHP interpreta um construtor de linguagem diferente de uma função Exibindo o valor do array na tela echo $alunos[0]; No código acima aparecerá na tela o nome ANA, quando criamos arrays associativos, nós chamamos ele pelo nome dado a chave, no caso de $alunos as chaves são 0,1 e 2, já no caso $clientes as chaves são NOME, TELEFONE e EMAIL. Veja o modelo a baixo usando array associativo. $clientes["nome"] No código acima aparecerá na tela o nome Vitor. Array Bid

PHP - Aula2 - Funções

Oque é? A declaração de funções no PHP é feita a partir da palavra reservada function seguida do nome da função e de sua lista de argumentos, enquanto o corpo da função é delimitado por chaves {  }, entre as quais deve ficar todo o conjunto de instruções a ser executado quando a função for invocada. Para que serve? Funções são usadas para criar pequenos trechos de códigos isolados que podem exibir um resultado ou apenas executar uma rotina . Sua principal vantagem é condensar uma parte do código e torná-lo reutilizável em vários pontos diferentes. Toda função deve ter um nome e possuir um delimitador de parâmetro que são identificados dentro dos parênteses. Estrutura de uma função: function nomeDaFuncao($var1, $var2, $var3...) {     //aqui vem o que deseja que ela faça } Função com valores, parâmetros, argumentos: Quando falamos que uma função tem parâmetros ou argumentos, isto significa que vamos passar para ela valores, sejam se texto, numero, d